background

Educação sonora e musical

  • O Livro

    Inserida recentemente na grade curricular do ensino fundamental, a Música associa diversas áreas do conhecimento, assim como desperta a sensibilidade e a cognição nas crianças; na construção de pessoas melhores e mais humanas. Assim, Silvio Costta nos apresenta o livro: Educação sonora e musical: oficina de sons.

    Por meio dessa nova ferramenta, o autor compartilha a partir de conceitos básicos, a necessidade de envolvimento da arte-educação ligada aos sons e à música. De maneira descomplicada, o livro busca inserir os conceitos sonoros e musicais de modo prático; sem deixar de definir os termos teóricos mais importantes.

    A obra envolve princípios sonoros e musicais; como a história dos sons e da música, conhecimento de instrumentos e diferenciações sonoras; com construções de instrumentos e aparelhos para prática auditiva. Com uma proposta diferenciada, educação Sonora aplica ao educador formas de identificar, registrar e exercitar o universo sonoro, bem como criar pontos de interdisciplinaridade para as aulas de outras matérias.

    Na seção musical, os conceitos trabalhados vão desde os primeiros instrumentos até o uso prático de ritmos, compassos simples com diferenciação. E nas partes de oficina de sons, construção e execução de instrumentos sonoros e musicais.

    Palestra e Oficinas

    Palestra e Oficinas Abordagem: teórica e prática. Conceitos trabalhados Sonoros: importância do universo sonoro, surgimento do som; das tribos até a modernidade, onda sonora, frequencia, registro sonoro , memória e propriedades do som. Oficina de sons: construção de instrumentos sonoros para despertar e exercitar a audição. Musical: breve história da música, períodos e evolução instrumental. Diferenciações e propriedades da música. Oficina Musical: exercício de ritmos; desde o corpo até o instrumento. Execução dos três ritmos básicos em bandinha; compassos 2, 3, e 4. Tempo palestra: mínimo Uma hora, até Uma hora e meia. Oficina: mínimo 2 horas até 4 horas.